sábado, maio 29, 2010

Quintarolas pelo nosso Portugal,Resende


Mais uma presença dos Quintarolas pelo nosso Portugal,
Desta vez em Resende no IX Festival da Cereja 2010.


O IX Festival da Cereja realiza-se nos dias 29 e 30 de Maio de 2010.
Programa:

Dia 29 DE MAIO

15:00H – Início da Feira:
Venda de Cereja
Mostra e venda de produtos de artesanato ligados à cereja
Local: Largo da Feira

Animação de Rua e Animação Musical
“RONCOS E CURISCOS” - Grupo de Música Popular Portuguesa

“BRIGADA 14 DE JANEIRO” - Grupo de Música Popular Portuguesa

21:30H – “ANDARILHOS” Grupo de Musica Tradicional Portuguesa
Local: Frente à Câmara Municipal

23:45H – Lançamento de Fogo de Artifício

Dia 30 DE MAIO

10:00H – Início da Feira:
Venda de Cereja
Mostra e venda de produtos de artesanato ligados à cereja
Local: Largo da Feira

Animação de Rua e Animação Musical
“MOSCA TOSCA” - Grupo de Música Tradicional Portuguesa
“QUINTAROLAS” - Grupo de Música Tradicional Portuguesa

14:00H – “BARCA DOS CASTIÇOS” - Grupo de Música Portuguesa

15:00H – “HISTÓRIAS DE ENCANTAR NA TERRA DAS CEREJAS” - Cortejo Temático

17:00H - “O KARROSSEL” - Grupo de Música Portuguesa

18:30H – Final da Feira
Lançamento de Morteiros

http://www.cm-resende.pt/

quarta-feira, maio 26, 2010

XIV Feira de Actividades Económicas - 25, 26 e 27 de Junho

XIV Feira de Actividades Económicas

25, 26 e 27 de Junho


Tema da Feira: Portas de Ródão – Monumento Natural

PROGRAMA (provisório)

25 de Junho – Sexta–Feira
• 18.00 H – Abertura da Feira.
• 20.00 H – Cerimónia oficial de abertura presidida por entidade a definir, com a participação da “Banda Filarmónica Fratelense".
• 21.00 H – Animação de rua "grupo de Percussão da Casa do Benfica de Vila Velha de Ródão".
• 22.00 H – Actuação do grupo “QUINTAROLAS” (Palco)
• 00.30 H - "DEOLINDA" - (Recinto de Festas da Senhora da Alagada).
• 02.00/05.00 H – Discoteca ao Ar Livre/ "Dj FERNANDO ALVIM"

26 de Junho – Sábado
• 17.00 H – Abertura da Feira.
• 20.00 H – Animação de rua – "Domingos & Dias Santos (Nisa)"
• 22.00 H – Actuação do grupo “CIRANDA” (Palco).
• 00.30 H – "MICKAEL CARREIRA" (Recinto de Festas da Senhora da Alagada).
• 02.00/05.00 H – Discoteca ao Ar Livre / "Dj CARL D"

27 de Junho – Domingo
• 17.00 H – Abertura da Feira.
• 20.00 H – Actuação do "Rancho Folclórico e Etnográfico de Danças da Beira Baixa (Associação Cultural e Recreativa “As Palmeiras” de Castelo Branco)"
• 22.00 H – Actuação do grupo “CANTAREIAS”
• 23.00 H – Encerramento da Feira com o grupo "Modas de Ródão" (palco).
• 24.00 H – "Espectáculo de Fogo de Artificio Multimédia pela Pirotecnia Oleirense."

domingo, maio 23, 2010

A A-23 (Auto-Estrada da Beira Interior) vai ter portagens, anunciou o Governo





Todas as Scut terão taxas



O Governo está a criar todas as condições para introduzir até ao final do ano portagens nas restantes quatro auto-estradas sem custos para os utilizadores (Scut Interior Norte, beiras Litoral e Alta, Beira Interior e Algarve). A decisão visa eliminar os elevados encargos para o Estado, da ordem dos 700 milhões de euros anuais. A primeira deste segundo lote de Scut poderá ser da Beira Litoral-Beira Alta, uma vez que a minuta de alteração ao contrato já foi aprovada em Conselho de Ministros.


Para já, a partir do dia 1 de Julho a circulação passa a ser paga nas concessões anunciadas em 2006 pelo então ministro Mário Lino, ou seja, Costa da Prata, Grande Porto e Norte Litoral. O Governo está entretanto a ultimar as condições técnicas para a cobrança, que passam pela publicação de duas portarias, apurou o Correio da Manhã.
Trata-se, por exemplo, de criar condições para a existência de um sistema de pré-pagamento, dado que o Estado não pode exigir aos cidadãos que tenham uma conta bancária (uma condição para a adesão à Via Verde).
Quanto às condições administrativas/legais, ou seja, as alterações às minutas dos contratos assinados entre o Estado e as concessionárias, o Conselho de Ministros já aprovou as alterações à Scut da Beira Litoral-Beira Alta, para além das três já anunciadas.
Nas restantes, a 'introdução de portagens será gradual, à medida que estiverem criadas as condições para a sua cobrança', de acordo com o Ministério das Obras Públicas, que tem em conta, nomeadamente, o PIB per capita e as alternativas/tempos de percurso.
O primeiro passo para a cobrança de portagens nas outras quatro Scut para além da manifestação de intenções – que remonta a 2003, a Carmona Rodrigues – foi dado no Orçamento do Estado para 2010. 'O Governo pode introduzir novas taxas de portagem em outras auto--estradas em regime Scut desde que verificados os critérios utilizados para a sua introdução', lê-se no documento.

quinta-feira, maio 13, 2010

OBRAS NA PASSAGEM DE NÍVEL DO CENTRO DE V V RÓDÃO ESTÃO QUASE PRONTAS




A passagem superior que vem suprir a passagem de nível com guarda situada no centro de Vila Velha de Ródão está quase pronta.
Orçada em cerca de um milhão e seiscentos mil euros, as obras já têm o fim à vista, devendo a circulação naquela via restabelecer-se muito antes da Feira de Actividades Económicas, com a Refer a dotar de uma maior segurança a população de Vila Velha de Ródão.

ESTRADA DAS VILAS RUIVAS: ÍNICIO DAS OBRAS PREVISTAS AINDA PARA ESTE MÊS




Vai ser requalificada a Estrada Panorâmica do Castelo de Ródão. As obras de requalificação iniciam-se junto à ponte sobre o Tejo e vai até ao cruzamento do Castelo de Ródão, numa extensão total de cinco quilómetros.
O valor da empreitada é de 341.414 euros, tendo um prazo de execução de 90 dias. A obra foi adjudicada à empresa João de Sousa Baltazar, já está contratualizada e os trabalhos devem avançar ainda durante o mês de Maio.
Esta obra vem beneficiar as acessibilidades à povoação de Vilas Ruivas e a movimentação turística de acesso ao Castelo de Ródão e Ermida de Nossa Senhora do Castelo.

Obras há muito reclamadas pelos rodenses que diáriamente por ali circulam, numa estrada perigosa, e que já foi notícia por alguns acidentes graves.

FEIRA DE ACTIVIDADES ECONÓMICAS EM V.V.RÓDÃO: DE 25 A 27 DE JUNHO: OS DEOLINDA E MICKAEL CARREIRA SÃO AS ATRACÇÕES MUSICAIS

Os enchidos, o presunto, o queijo, o azeite, o mel, a doçaria regional, os licores e as compotas são algumas das iguarias que este ano dão, de 25 a 27 de Junho, um paladar diferente à XIV Feira de Actividades Económicas de Vila Velha de Ródão.
Esta será também uma das novidades do certame, como explicou a presidente da Câmara Municipal sexta-feira, dia 7 de Maio, em conferência de Imprensa de apresentação do programa oficial deste evento.


Maria do Carmo Sequeira referiu que ficou decidido, ano sim, ano não, realizar uma mostra gastronómica nesta Feira, o que vai começar a ser feito nesta edição, “para mostrar o melhor da gastronomia local, mas também de alguns concelhos vizinhos, como sejam Proença-a-Nova, Sertã, Nisa e estamos a aguardar a resposta de Cedilho”.


O orçamento de 150 mil euros “significa que fazemos um evento à nossa dimensão, sem grandes gastos, mas é esta a condição de termos a Feira todos os anos e já há 14 anos”, sublinha a autarca, avançando que “este ano, o tema do certame será as Portas de Ródão, que estão a celebrar o primeiro ano como Monumento Natural de Portugal e se encontram a disputar o título de uma das 7 Maravilhas Naturais”.


A disposição da Feira também será este ano diferente, pois os stands estarão agregados, por temas, em tendas, “para que haja uma maior homogeneidade dos produtos a mostrar”. Confirmados estão já 120 expositores, de 104 representações.


A abertura oficial do Certame, agendada para as 20H00 do dia 25 de Junho, apesar do espaço da Feira poder ser visitado desde as 18H00, será feita por uma entidade ligada à área do Ambiente.
“A entrada na Feira continua a ser gratuita, mas nos espectáculos custa 2,5 euros, um valor simbólico que reverte, novamente, para os Bombeiros Voluntários de Vila Velha de Ródão”, acrescenta.


Em termos musicais, Deolinda (dia 26) e Mikael Carreira (dia 27) encabeçam o cartaz principal, que integra ainda a Banda Filarmónica Fratelense, na cerimónia de abertura; o DJ Fernando Alvim na primeira noite, até de madrugada; Domingos e Dias Santos, de Nisa, com animação de rua dia 27; DJ Miguel a assinar a segunda noite da Feira; o Rancho Folclórico e Etnográfico de Danças da Beira Baixa, da Associação cultural e Recreativa As Palmeiras, de Castelo Branco, o grupo Cant’Areias e o Modas de Ródão, todos no dia 27. Aproveitando o tema do certame, “As Portas de Ródão”, este termina com um espectáculo de fogo-de-artifício, na ponte, pela Pirotecnia Oleirense.

Fonte: Jornal Reconquista- Castelo Branco